Cuidados com o seu vestido de festa

postado em: Novidades | 0

Não basta ter, é preciso cuidar! Já ouviu essa frase? Apesar de ser geralmente relacionada à sentimentos, ela é super válida para seu vestido de festa também! Muitas vezes perdemos roupas por puro desleixo ou falta de conhecimento. São traças, mofos, rasgos, manchas… uma infinidade de possibilidades que pode acabar com suas peças. Quando se trata de vestido de festa é preciso redobrar o cuidado… afinal, foi um investimento alto! Nesse post ensinaremos como cuidar e conservar seu vestido de festa. Vamos lá?

Cada vestido precisa de um tipo de cuidado especial. Antes de mais nada, conheça bem cada peça que possui! Além disso, é preciso cuidados com o armário como ventilação e iluminação. É importante manter o hábito de cuidar das peças para mantê-las sempre como novas. Vamos por partes?

Vestidos de renda

Esse tipo de vestido pode perder a sua forma quando é guardado no cabide, por perder a forma com facilidade. Seja de tule ou renda, com ou sem bordados, o ideal é guardar a peça em uma caixa própria. De preferência, forrada com papel de seda.

Vestidos brancos

Campeões em amarelamento, basta guardar da maneira certa para evitar esse pesadelo! Assim como os vestidos de renda, os vestidos brancos devem ser armazenados em caixas. A diferença é que nesse caso é preciso envolver os vestidos em papel de seda azul escuro. Além desse detalhe, confira a qualidade do papel pois ele pode manchar seu vestido se for de qualidade duvidosa.

Vestidos leves

Eles não devem estar juntos à outras peças ou dobrados. Vestidos leves pedem um cabide próprio! Para guardar, evolva o vestido em TNT. Use as alças de cetim para pendurar os vestidos – especialmente os que possuem pedrarias – de maneira segura. Assim você garante que ele não deforme.

Agora que você sabe como guardar os tipos de vestido, vamos aos outros cuidados essenciais!

Após usar o vestido

Manchou? Nada de tentar lavar em casa. Opte por lavagens especializadas se o vestido estiver manchado. Além disso, lembre-se que manchas de maquiagem também devem ser removidas.
Guarde os vestidos sempre limpos e secos. Assim você contribui para uma melhor conservação da peça.

LEIA MAIS: Missão madrinha de casamento: papel, regras e vestidos!

O local

Escolha um local com boa ventilação e sem ventilação direta. Desse modo você conserva melhor suas roupas e evita o temido mofo! Evite sempre locais com umidade.

Espaço entre as roupas

Evite ao máximo amontoar roupas no seu armário. O mais recomendado é guardar as roupas respeitando um espaço entre elas. Assim o ar circula melhor, não amassa as peças e ainda ajuda a evitar o mofo.

Produtos Anti Mofo

Certamente você conhece a receitinha da vovó: duas naftalinas no armário para evitar o cheiro de mofo. E é um ótimo truque que pode e deve ser usado até hoje! Mas atenção: o armário/roupeiro precisa ter zero umidade para dar resultado.

Ventilando roupas e armário

Em qualquer situação é bom deixar as portas do armário abertas pelo menos uma vez por mês. Aproveite e no mesmo dia verifique as etiquetas das peças e separe as que podem ir ao sol. Deixe-as ao ar livre por algumas horas.

LEIA MAIS: Economia colaborativa: entendendo melhor o conceito e benefícios

Renda extra com vestidos de festa

Você pode até mesmo fazer uma renda extra se colocar seus vestidos bem conservados para alugar. Nós do Armário Compartilhado fazemos uma curadoria de vestidos e acessórios de festa para aluguel. Para saber mais, clique aqui!

Gostou das nossas dicas? Se você tem alguma dica para conservar vestidos de festa, comente aqui! Nós queremos aprender com você também!

Até o próximo post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *