Como abrir uma loja de aluguel de vestido de festa compartilhado

Você já pensou em como abrir uma loja de aluguel de vestido de festa compartilhado pode ser um negócio interessante e lucrativo? É por isso mesmo que vamos falar um pouquinho aqui de como é esse mercado. Como iniciar o processo para abrir sua própria marca e com um PLUS. Você pode optar em abrir uma loja de aluguel com acervo próprio, que é o mais comum ou com acervo COMPARTILHADO, que vem de outras pessoas, minimizando e MUITO seu valor de investimento inicial. E é essa experiência que queremos te passar por aqui. Alem disso, você pode entrar numa tendência que cresce mundialmente a cada dia, de Economia Colaborativa. Já ouviu falar? Senão, clique aqui.

Vamos começar falando de como é o potencial mercado BRASILEIRO.

O mercado no Brasil

O mercado para esse negócio são mulheres, com idade a partir de 15 anos e que possuem algum evento de gala para ir. Esses eventos são festas de casamentos onde têm as madrinhas, convidadas, mães e avós dos noivos. Há também as festas de formatura com as formandas e convidadas desses eventos e em geral, em que o dress code (regras de vestimenta) são de vestidos de festa.

Através de algumas fontes descobrimos números bem interessantes do mercado:

– Habitantes mulheres no Brasil: dos 20 aos 54 anos = 56.047.358 de habitantes (Fonte)

– Temos 40 milhões de mulheres no Brasil que ganham em média, R$2050 de salário mensal. (Fonte: site do IBGE). Consideramos mulheres passíveis de alugar, aquelas que tenham rendimento mensal, com base em entrevistas e pesquisas sobre o assunto.

Estimativa de eventos:

– Número de casamentos no Brasil em 2018: 1070,376 (Fonte)

– Em 2013 tivemos no Brasil 829,938 pessoas se formando em algum curso de graduação (Fonte). Temos um grande público de pessoas que se formam e participam das festas de formatura. Além disso as convidadas também costumam alugar.

– Além do mais, encontros empresariais mais importantes, eventos de gala, festas de 15 anos. Todos eles nos geram um público apto para o aluguel de roupas de festa.

O mercado da sua cidade:

Essa pesquisa é possível de ser realizada na sua cidade/região, para avaliar seu possível mercado. Acreditamos que uma cidade ou região com uma população de 50 mil habitantes, mas com cidades próximas totalizando 200 mil habitantes seja interessante. Isso já se enquadra em um bom mercado para se abrir esse tipo de negócio. Foco para cidades e regiões próximas à faculdades.

Como começar a pesquisar o mercado de onde pretende abrir:

– Análise da Concorrência

É bem importante verificar o que já existe na sua cidade/região. Por jornais e revistas do lugar e até mesmo pelo Google é possível descobrir quem são e onde estão atuando. Analisar de perto o espaço, as roupas disponíveis, os preços, a qualidade delas e do atendimento. Tentar captar o máximo de informações possíveis e tabelar, para que você comece já criando um modelo com algum diferencial. Isso pode se dar pelo tipo de público, qualidade das peças, atendimento, localização e etc.

Qual o melhor ponto para se abrir o negócio:

Uma boa maneira para começar a pensar em como abrir uma loja de aluguel de vestido de festa compartilhado é: quanto tenho para investir e quanto pretendo ter de retorno.

Lojas em salas comerciais saem bem mais baratas que em bairros movimentados e centrais. Vitrine virada para a rua ou lojas em shoppings costumam ter alugueis mais caros. Mas tudo está relacionado a quanto você tem pra investir. Tem que planejar com tudo que necessita para se abrir. Inclui desde a criação de CNPJ até a abertura para os clientes.

Você gastaria mais para abrir em locais movimentados mas ao mesmo tempo seu faturamento deverá ser maior. Isso também gera mais exposição.

Mas é possível também abrir em salas comerciais e até mesmo em espaços próprios, residenciais, caso você tenha. Fizemos assim em nossa loja Armário Compartilhado. Nosso Ateliê é um espaço dentro da nossa casa, com entrada própria mas que foi projetada e reformada para esse fim. A vantagem está no valor de investimento inicial, que fica bem menor. A desvantagem está na exposição paras as pessoas e conhecimento da nossa marca. Mesmo assim, ainda é bem lucrativo, se trabalhar com as ferramentas certas.

Quanto custa para abrir uma loja de aluguel de vestido de festa compartilhado

– Os custos para abrir uma loja de aluguel de vestido de festa compartilhado devem levar em conta itens como abertura da Empresa (CNPJ), aluguel de espaço, reforma, planejar contas de água, luz, telefone, internet, assessoria contábil, compra de matéria-prima, taxa de condomínio, segurança, salários, comissões, encargos, contribuições, impostos, taxas, tributos, produtos de limpeza,  recursos para manutenções corretivas, publicidade, despesa com vendas e com armazenamento.

PARA INFORMAÇÕES MAIS DETALHADAS DE QUANTO PRECISA INVESTIR EM CADA MODELO (LOJA DE RUA OU ESPAÇOS PRÓPRIOS), CONTRATE NOSSA CONSULTORIA. CONTATO VIA WHATSAPP 31-999317509 OU E-MAIL: atendimento@armariocompartilhado.com.br.

Baseados em nossa loja que fica em um bairro residencial em Belo Horizonte, os custos para se abrir em um ponto como o nosso variam de R$30.000 a R$70.000. Essa variação se dá mais pela reforma necessária e organização do espaço como loja: armários, balcões, provadores, araras e etc. Deve-se pensar também em gastos com material de escritório e marketing. O modelo de negócio COMPARTILHADO tira uma conta muito grande do investimento inicial, ou seja, você gasta menos para abrir. Com vestidos compartilhados você abre sua loja sem precisar gastar com acervo, que é um dos maiores gastos.

Como ser uma marca reconhecida

Para se tornar conhecida, antes mesmo de abrir, as mídias sociais e a internet ajudam muito. Mas não podemos esquecer o marketing tradicional. Pode ser feito através de panfletagem, anúncios em jornais, revistas, rádio, assessoria de imprensa e o boca a boca. Essas ações que sempre funcionaram muito bem.

A criação de site e blog são elementos muito importantes também. Hoje em dia a loja “virtual” é bem mais visitada que a física. Investir em um site e blog bonitos, fácil de entender e com conteúdo atrativo e interessante. Isso te coloca em ótimas posições nos sites de busca, como por exemplo o Google, de forma gratuita, ou seja, você não precisa pagar para aparecer na primeira página. Quando o site e blog é muito bom, isso acontece de forma natural, que é chamado de forma orgânica.

Por outro lado, há também muitas maneiras de anunciar na Internet, como por exemplo pelo Google AdWords ou Facebook Ads. Essa forma é paga. São os anúncios que aparecem pra gente em vários lugares, quando estamos mexendo nos nossos celulares e na Internet.

QUER ENTENDER MAIS SOBRE BUSCA ORGÂNICA, ANÚNCIOS E SEO DO SEU SITE DE LOJA DE ALUGUEL, CONTATE NOSSA EQUIPE DE CONSULTORIA. CONTATO VIA WHATSAPP 31-999317509 OU E-MAIL: atendimento@armariocompartilhado.com.br.

Bom, essas são as informações iniciais para quem tem interesse em abrir esse interessante e inovador negócios de ALUGUEL DE VESTIDOS DE FESTA E DE VESTIDOS COMPARTILHADOS.

O Armário Compartilhado é uma empresa PIONEIRA no mercado de aluguel de vestidos de festa Compartilhados, estamos há 7 anos no mercado e já ajudamos muita gente com nossa experiência. Oferecemos a você, que interessa pelo negócio, nossa Consultoria para ter apoio total em seu processo de planejamento e abertura de seu próprio negócio.

Dúvidas ou sugestões para esse artigo, deixe seu comentário.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *